Surina Mariana

Mariana Carpanezzi sou eu, nascida em 1980. Escrevo, ilustro e meu suporte é o livro. Faço livros que parecem livros e livros que não parecem livros porque vejo livros em todas as coisas. No focinho de um cachorro que acaba de acordar, por exemplo, já imagino certas páginas.

Gosto de livros e de histórias porque é escrevendo ou desenhando que eu protejo a dúvida que não passa. Quem sou eu. Até onde eu vou. Meu corpo de trabalho é confessional e autobiográfico: se pudesse eu não teria nem pele. Minhas histórias são na primeira pessoa do singular.

Retrato Surina Mariana

Publiquei O mundo sem anéis (162 p.), um diário aberto sobre meus 100 dias viajando de bicicleta, em dezembro/2015. Em 2016 e 2017 surgiu a vontade de descobrir se eu conseguia contar histórias usando mais as imagens do que as palavras, e da curiosidade nasceram 3 livros experimentais ilustrados: O amor não é matemático (2016); Porque tudo começa do mesmo lugar (2016) e Histórias de Cavalas (2017), estes últimos dois em parceria com a artista Luda Lima.

No presente, escrevo e desenho o Diário Espiritual dos Sentimentos Esquisitos, um livro com 108 jogos narrativos sobre exílio e separação, todos eles contados de forma autobiográfica. O Diário Espiritual mistura sequências visuais e capítulos de texto, e deve ser publicado em Dezembro de 2017.